quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

A vida não é um romance.

A verdade é que esta é a razão dos romances venderem tão
bem a razão por que todos gostam deles, porque não é uma realidade, a vida não é
assim. Todos gostariam que fossem assim. Mas não é, a vida real realmente não é.
Não. Realmente me ensinou muitas coisas, algumas delas muito importantes. Como o que fazer para defender a mim mesmo, e ser eu mesma. Como obter o que eu quero da vida, com meus próprios termos.
E isso é, quando você vai envelhecendo, perde coisas, coisas que não necessariamente
se quer perder. Algumas coisas são simples como... bem, seus dentes pequenos quando
você era uma criança, e como eles fazem o caminho para os dentes adultos.
Mas com a idade, você perde outras, mais importantes, como amigos - espero que só
amigos ruins - que talvez não eram tão bons pra você. Com sorte, você será capaz de
manter seus verdadeiros amigos, aqueles que sempre estavam lá por você... mesmo
quando você pensava que não estavam. Porque amigos são mais preciosos que todas as tiaras do mundo. E também aprendi que há coisas que você quer perder... como o chapéu da formatura que você joga no ar. Quero dizer, porque você iria segurá-lo? Escola é um saco. Pessoas dizem que foram os melhores quatro anos de suas vidas - essas pessoas mentem... Quem quer viver os melhores anos de sua vida na escola? Escola é algo que todo mundo quer perder. E depois há coisas que você pensou que queria perder, mas não... e agora está feliz por não tê-lo feito. E, sim, no final... estou feliz. Quero dizer, sim é chato, às vezes. Mas agora eu sei, existem maneiras de ajudar pessoas, e talvez, no final, ainda fazer do mundo um lugar melhor. Não de maneira grandiosa. Claro, não vou inventar uma braço robótico-cirúrgico que vai salvar vidas. Tudo bem, essas são coisas pequenas. Mas um passo de bebê de cada vez. Ainda sim, a razão mais importante estou feliz e sou princesa, e serei eternamente. Se eu não fosse, duvido que teria esse grandioso final feliz.
 

- Diário da Princesa: Princesa para Sempre ( Meg Cabot )

4 comentários:

HONORATO, Sandro disse...

Olá :)
Realmente,a vida não é um romance...nem terei graça se fosse :)

Beijos e tudo de bom

www.rimasdopreto.com

Samyle S. disse...

Vou fazer um pedido chatinho, vim pedir um favor grande pra você, eu estou participando de um concurso pode votar em mim? As votações estão acontecendo em http://sapatosdeveludo.blogspot.com/ . Peço por favor que você vote no Dear Diary Sucker!

Bjin* (Eu sei que é chato divulgação, mas to correndo atras pra conseguir ganhar sabe?)

deardiary-sucker.blogspot.com

♪ Dαyαnє ♪ disse...

Oi, (:

Gostei muito desse trecho e a´s vezes também acho que se nossa vida fosse igual as histórias que lemos não teria graça; não teríamos como inventar nossa própria definição de final feliz.
Agora eu realmente fiquei com vontade ler essa série - uma das únicas da Meg que ainda não li. :)

~> Beijusss...;*

Layla Saluanne disse...

Heeeey gente!
Dayane, pode ler pq é realmente uma série ótima! Eu tinha um certo preconceito sobre ela,porque o nome é um pouco infantil,só que a história é realmente digna de titia Meg!