sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Ás vezes...

                                  

Às vezes tenho a leve impressão que se contasse à alguém todos os pensamentos que tenho ao longo do meu dia, certamente me internariam. Não que eu seja louca ou precise de ajuda médica, mas tem certos sentimentos que nos fazem viajar sem ao menos sairmos do quarto. Tenho uma mente flutuante, confesso que não somente de coisas produtivas, porém muito criativa e sensível, se é que no mundo em que estamos isso pode ser denominado como qualidade. Não tenho a pretensão de fazer sucesso, tão pouco a divulgação. Me falaram uma vez que quando se escreve, não importa o que, a escrita é destinada à alguém. Até concordo, mas o meu caso é diferente. Escreverei para mim. Preciso extravasar tudo o que não pode ser dito ou entendido por alguém. Até porque se tornaria perigoso... se me conhecessem tão bem quanto eu, o que restaria de mim? De nada mais valeriam meus álibis e artimanhas. Nunca se pode revelar tudo o que se pensa ou o que se sente, seria ficar muito vulnerável ao mundo. Só quero saber os meus limites, e até aonde meus pensamentos vão me levar... Me conhecer a fundo. Extrair todas as teorias e conclusões que minha mente formula para que eu talvez consiga deitar e dormir tranquilamente, sem fazer uma viagem de imaginações e hipótese sobre qualquer coisas e entender,definitivamente, se posso ser real ou não passo de uma pobre ilusão de mim mesma.
                                                                                          M.Morais

2 comentários:

⋆ ─ It's Jessica Z! disse...

Gostei desse texto, mt mt msm, porque parece comigo, quando as pessoas leem minhas fics e perguntam que eu não queria escrever um livro, nunca foi meu sonho ser escritora, eu só gosto de escrever pq me faz bem!

Eu deixei um selinho pra vc http://lovewkyouuan.blogspot.com/2011/01/selinho-7-filmes-7-dias.html

LaySaluanne disse...

Idem,ameei esse texto porque também achei minha cara...Eu não tenho muito com quem conversar,então é nos meus textos que eu extravaso minhas emoções.E também sou muito fechada sobre o que sinto,não quero me tornar vulnerável ao mundo.Mas o meu trecho preferido é "Só quero saber os meus limites, e até aonde meus pensamentos vão me levar... Me conhecer a fundo."

OBS: Tô indo vê meu selinho,brigadaa linda;*